terça-feira, 5 de maio de 2020

Radiofrequência: O que eu preciso saber?



A radiofrequência já é estudado por grupos de pesquisa há anos, e suas aplicações na estética estão cada vez mais consolidadas no que diz respeito a resultados.
A radiofrequência é um tratamento estético utilizado no combate à flacidez do rosto ou do corpo, sendo muito eficaz para eliminar rugas, linhas de expressão e até mesmo a gordura localizada e também a celulite, sendo um método seguro com efeitos duradouros.
A técnica age através da geração de calor no tecido embaixo da pele, que induz a produção de novas fibras de colágeno e melhora o aspecto da pele.


Protocolo

Inicialmente a pele deve ser higienizada com água e sabonete ou óleo de limpeza. Em seguida será aplicada vaselina na área a ser tratada caso seja parte do corpo ou gel de condução quando a área de tratamento for facial. Através dos aplicadores posicionados na pele, são realizados disparos de radiofrequência no local tratado. Após se retira o material aplicado e termina a sessão.
A técnica não é invasiva e causa efeitos apenas na área de tratamento. O objetivo de cada sessão é elevar a temperatura da pele e do tecido subcutâneo até 39°C a 42°C e mantê-la por um período de 14 minutos. 
Durante o tratamento é medida a temperatura da pele diversas vezes para garantir que ela chegue a 40-42 graus Celsius e não ultrapasse esse nível de temperatura. A radiofrequência pode ser realizada em todas as regiões do corpo e face, exceto região da tireoide.
Durante as sessões, alguns clientes podem experimentar uma sensação de aumento intenso da temperatura nas regiões tratadas, porém, aquele sistema de resfriamento incorporado ao equipamento é acionado durante a aplicação, evitando que a sensação seja dolorida ou desconfortável.

Indicações da radiofrequência
A radiofrequência é um excelente tratamento estético que pode ser indicado para: 
Diminuir as rugas;
Melhorar a aparência da pele;
Melhorar a qualidade do colágeno e da elastina;
Reorganizar as fibras de colágeno e elastina;
Melhorar a microcirculação;
Melhorar a hidratação da pele;
Aumentar a oxigenação;
Acelerar a eliminação de toxinas;
Reduzir celulite;
Combater estrias e fibroses;
Melhorar a aparência das cicatrizes;
Combater a gordura localizada na barriga, culote, flancos, braços, papada;
Combater a flacidez em qualquer área do corpo;
Combater a celulite por melhorar a firmeza da pele e queimar a gordura local.

Gordura Localizada

O calor profundo, proporcionado pela radiofrequência, atua na célula de gordura, melhorando seu metabolismo, aumentando a oferta e a difusão de nutrientes, diminuíndo o estoque de energia (triglicérides) e contribuindo para a redução de seu volume.

Atuação na celulite

A radiofrequência atua na inflamação causada pela celulite no tecido adiposo. Com a melhora da gordura localizada, um dos pilares para a formação da celulite, acontecerá a melhora do aspecto da celulite. Em adição, em técnicas em que o vácuo está associado o método funciona também como uma drenagem linfática, contribuindo para a redução de toxinas nos tecidos.

Flacidez e Estrias

A flacidez é uma alteração natural dos tecidos caracterizada pela perda do tônus, da elasticidade e da resistência de aderência da pele. Geralmente, resulta de mudanças bruscas no peso, tabagismo e envelhecimento, uma vez que a produção de colágeno é proporcionalmente reduzida com o passar dos anos.
O aparelho pode ser utilizado com sucesso no tratamento de estrias e flacidez de pele. Um bom exemplo disso, é aplicação de 10 minutos em área de 10x10cm, acima de 38 graus. Esta leve exposição gera uma cascata de eventos inflamatórios controlados no local da estria ou da flacidez de pele, que por consequência, favorece o aumento da vascularização do fluxo sanguíneo e a formação de edema, assim tendo, o estímulo de formação de fibroblastos e a produção de colágeno fundamentais para o tratamentos das referidas alterações estéticas.

Colágeno

O aparelho de radiofrequência aquece o tecido através da corrente elétrica, ocorrendo a produção da temperatura acima do normal, que gera a contração imediata do colágeno e remodelação da fibra de colágeno e elastina já existentes. Após o tratamento observa-se o estímulo dos fibroblastos para produção de novo colágeno.

Sessões

São necessárias de três a dez sessões em cada região tratada. O número de sessões dependerá do objetivo a ser alcançado, da alteração apresentada e da resposta individual de cada paciente. Devem ser respeitadas as frequências de uma sessão semanal para o corpo e uma a cada duas ou três semanas para o rosto. Para manutenção do resultado, devem ser realizadas novas sessões de radiofrequência anualmente. Esse é um excelente tratamento para quem quer rejuvenescer a pele.

Cuidados após a radiofrequência

Aspecto da pele

Logo após a radiofrequência, a pele ficará com uma leve vermelhidão e inchaço suave a médio. Pode ainda haver urticária - caracterizada por vergões vermelhos e salientes na superfície da pele que geralmente provocam coceira - e marcas arroxeadas na pele. Pode ainda acontecer alergia à substância utilizada (o gel ou a vaselina). Todos esses efeitos colaterais são transitórios

Proteção solar

O protetor solar é recomendado todos os dias, mas deve ser aplicado depois de pelo menos uma hora da realização do procedimento.

Cosméticos

O uso de cosmético e maquiagem está liberado uma hora após o procedimento.

Contraindicações

  Qualquer doença de pele na área tratada, uso de marca-passo, desfibrilador, ou qualquer implante eletrônico contraindica o tratamento com radiofrequência. Coagulopatias, sangramento excessivo ou hematomas, histórico de trombose profunda e uso de medicamentos como anticoagulantes e corticoides de modo contínuo e uso de isotretinoína nos últimos seis meses também impedem o método. Pessoas com tumores malignos ativos ou recentes, doenças da tireoide descontrolada, qualquer histórico de doenças estimuladas pelo calor, como a herpes, no local a ser tratado, desordem endócrina, como diabetes e HIV também não podem passar por sessões de radiofrequência. Além disso, mulheres que usam o método anticoncepcional DIU são contraindicadas à técnica para a região abdominal.
O tratamento com radiofrequência não deve ser feito em regiões com implantes sintéticos, sobre tatuagens ou maquiagem definitiva. Após aplicação de botox, é necessário aguardar pelo menos quatro dias para fazer a radiofrequência, após preenchimentos e peeling químicos deve-se aguardar duas semanas. Após peeling profundo e procedimentos com laser é necessário esperar um mês.
Os resultados são rápidos e progressivos e começam a aparecer a partir da terceira sessão, dependendo de vários fatores, como idade, local de aplicação, grau de flacidez, número de sessões e manutenção dos resultados obtidos.

Radiofrequência no rosto: No caso das linhas de expressão, elas podem desaparecer logo no primeiro dia e nas rugas mais espessas, a partir da 5ª sessão haverá uma grande diferença. Quem optar pela radiofrequência fracionada deve realizar cerca de 3 sessões.

Radiofrequência no corpo: Quando o objetivo é eliminar gordura localizada e tratar a celulite, dependendo da sua graduação, de 7 a 10 sessões serão necessárias.
Apesar de ser um tratamento estético um pouco dispendioso, ele possui menos riscos que uma cirurgia plástica e seus resultados são progressivos e duradouros. Recomenda-se um intervalo mínimo de 15 dias entre cada sessão.


Entretanto, a velocidade e duração dos resultados alcançados também vão depender de fatores comportamentais e características fisiológicas de cada pessoa, como:
- Grau de flacidez do local tratado;
- Idade;
- Hábitos alimentares;
- Tabagismo;


- Nível de atividade física;
- Número e frequência das sessões.


Riscos


Os riscos da radiofrequência estão relacionados à possibilidade de queimadura na pele, pelo mau uso do equipamento. Como a radiofrequência eleva a temperatura local, o terapeuta deverá observar constantemente se a temperatura do local em tratamento não ultrapassa os 41ºC. Manter o equipamento sempre em movimentos circulares evita o sobreaquecimento de uma determinada região, diminuindo o risco de queimadura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atualizações do Instagram

SnapWidget · Free Widget